‘Inaptidão de ser votado pela maioria da população brasileira’ é de quem ataca as urnas, diz Fachin

‘Inaptidão de ser votado pela maioria da população brasileira’ é de quem ataca as urnas, diz Fachin

O Presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Edson Fachin, após diversos ataques de Jair Bolsonaro(PL) às urnas eletrônicas, e sem citar o nome do Presidente da República, declarou que quem “está defendendo apenas o interesse próprio de não ser responsabilizado pelas inerentes condutas ou pela inaptidão de ser votado pela maioria da população brasileira” é quem “está defendendo a auditoria nas urnas eletrônicas e do processo de votação”. 

As declarações estão contidas em discurso do Ministro durante a primeira sessão do TSE no segundo semestre de 2022. Fachin não mais comandará o Tribunal Superior Eleitoral a partir do próximo dia 16 de agosto, pois será substituído por Alexandre de Moraes, no qual se aposta numa maior proximidade com as forças armadas. 

As afirmações de Fachin veem em meio a repetidas teorias da conspiração sobre as urnas, todas lideradas por Bolsonaro, para deslegitimar o processo eleitora, associados a ataques a ministros do STF e do TSE. E Fachin reiterou: “Desqualificar a segurança das urnas eletrônicas tem um único objetivo: tirar dos brasileiros a certeza de que seu voto é valido e sua vontade foi respeitada. Isso é especialmente verdadeiro em relação aos cidadãos mais pobres, com maior dificuldade de escrever”, arrematou. 

Leia mais

Juiz deve analisar condições sociais e pessoais do segurado em aposentadoria por invalidez

Segurado do INSS que nessa condição leva o Instituto Nacional do Seguro Social à condição de Réu em ação acidentária e cuja incapacidade para...

Proibir policial investigado de ser promovido na carreira viola a presunção de inocência

O Tribunal de Justiça do Amazonas definiu que as regras que dispõem sobre a moralidade administrativa não se confundem nem podem se sobrepor às...

Mais Lidas

Últimas

TRF-3 diz que marcas de indústria de brinquedo podem ser penhoradas

A Segunda Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3) ratificou decisão da 10ª Vara de Execuções Fiscais...

Juiz deve analisar condições sociais e pessoais do segurado em aposentadoria por invalidez

Segurado do INSS que nessa condição leva o Instituto Nacional do Seguro Social à condição de Réu em ação...

Publicações em rede social que provoquem risos não podem ser tidas como criminosas

A postagem na rede social Twitter consistiu no comentário sobre uma notícia, veiculada em telejornal estrangeiro, de furto de...

Incitar o crime por rede social é conduta que agride a paz pública

Por ter feito publicações no Facebook enaltecendo uma facção criminosa e ter atingido um número indeterminado de público, Lucas...