Constrangimento ilegal à liberdade é evidenciado em preventiva decretada de ofício pelo juiz

Constrangimento ilegal à liberdade é evidenciado em preventiva decretada de ofício pelo juiz

A prisão em flagrante dos pacientes foi convertida em prisão preventiva sem que houvesse requerimento da autoridade policial ou do Ministério Público quanto a tal conversão, o que, contraria a atual sistemática do artigo 311 do Código de Processo Penal, que não mais autoriza a decretação de prisão preventiva, de ofício, pelo juiz, firmou Néviton Guedes, do TRF 1ª Região, em sede de habeas corpus concedido a favor de Robson Almeida e outros envolvidos e que teriam suas prisões por crimes contra a ordem tributária e econômica. 

Os Pacientes sustentaram que a medida fora ilegal e abusiva, porque, em primeira instância, a magistrada responsável pelo plantão, converteu, de ofício, a prisão em flagrante em preventiva. Nestas circunstâncias, pleitearam a concessão de liminar em habeas corpus. 

O Relator concedeu a liminar e determinou a expedição de alvará de soltura aos Pacientes, caso não estivessem presos por outro motivo, e determinou que a fixação de medidas cautelares diversas da prisão ficaria ao critério do juízo de primeira instância. Após a vigência da Lei 13.964/2019, a conversão da prisão em flagrante em preventiva na audiência de custódia, sem requerimento do Ministério Público ou da Autoridade Policial para essa finalidade, configura constrangimento ilegal a ensejar a concessão de habeas corpus para restabelecer a liberdade de locomoção, arrematou a decisão. 

Processo nº HC 1024588-54.2021.4.01.0000

Leia mais

Regressão de regime de execução penal deve ser apurado mediante contraditório

A Defensoria Pública do Estado do Amazonas obteve em julgamento de Agravo de Execução Penal nos autos do processo 0000153-16.2021.8.04.0000, o reconhecimento de que...

Não se conhece de recurso por nulidade de citação sem demonstração de prejuízo à defesa

Nos autos de processo no qual E.E.O. de L, usou de recurso de apelação contra decisão que decretou medidas protetivas de urgência contra sua...

Mais Lidas

Últimas

Regressão de regime de execução penal deve ser apurado mediante contraditório

A Defensoria Pública do Estado do Amazonas obteve em julgamento de Agravo de Execução Penal nos autos do processo...

Não se conhece de recurso por nulidade de citação sem demonstração de prejuízo à defesa

Nos autos de processo no qual E.E.O. de L, usou de recurso de apelação contra decisão que decretou medidas...

Não merece reforma decisão que nega acolhimento a recurso por falta de previsão legal

No bojo de investigações que foram instauradas mediante prisão em flagrante delito ante Plantão Criminal da Comarca de Coari/AM,...

É incabível pedido que consista em pretensão de novo julgado de matéria já decidida

Não havendo contradição interna entre os fundamentos do voto, no caso de acórdão, e sua conclusão, inexiste matéria a...