Defesa de Daniel Silveira não cumpre prazo do STF para se manifestar sobre graça e tornozeleira

Defesa de Daniel Silveira não cumpre prazo do STF para se manifestar sobre graça e tornozeleira

Foto: Daniel Silveira / Foto: Reprodução / Agência Câmara

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal – STF, deu prazo de 48 horas para o deputado Federal Daniel Silveira (PTB-RJ) se manifestar sobre o decreto presidencial que concedeu a graça. O prazo findou na tarde de sexta-feira (29) sem qualquer pronunciamento da defesa.

A defesa de Daniel também perdeu, nesse mesmo prazo, a chance de se explicar sobre o descumprimento do uso de tornozeleira eletrônica.

Os advogados anunciaram que protocolariam a manifestação até o fim da tarde de sexta-feira. Mas esse não foi o estabelecido pelo Supremo, que rigorosamente estabeleceu prazo para cumprimento.

O processo foi encaminhado à Procuradoria-Geral da República sem a manifestação de Daniel Silveira, tendo em vista que a defesa não se insurgiu em momento oportuno.

Leia mais

Home Care em Manaus é direito em plano de saúde dentro da rede credenciada de Seguradora

Ao aderir a um plano de saúde, o consumidor já tem ciência de quais hospitais e profissionais fazer parte da rede conveniada e, se...

Aluno não pode ser prejudicado por alteração de grade curricular, diz TJ/Amazonas

Julgado da Corte de Justiça firmou que embora a Universidade do Estado do Amazonas tenha autonomia didático científica, aí se incluindo a prerrogativa de...

Mais Lidas

Últimas

Prédio do TJAM treme e é evacuado em Manaus

Manaus/AM - O prédio do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) precisou ser evacuado após tremores na estrutura na...

Home Care em Manaus é direito em plano de saúde dentro da rede credenciada de Seguradora

Ao aderir a um plano de saúde, o consumidor já tem ciência de quais hospitais e profissionais fazer parte...

Atentado contra os pais cometido por menor também é causa de exclusão da herança, decide STJ

Ao rejeitar o recurso especial de um homem que matou os pais quando tinha 17 anos de idade, a...

União e Funai têm até um ano para destinar área de sobrevivência ao grupo indígena Fulkaxó

A Primeira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve decisão que estabeleceu o prazo de até um ano...