No DF, acusado de atacar mulher uma semana após conhecê-la é condenado por tentativa de feminicídio

No DF, acusado de atacar mulher uma semana após conhecê-la é condenado por tentativa de feminicídio

Distrito Federal – Wesley Lopes Queiroz foi condenado pelo Tribunal do Júri de Santa Maria à pena de seis anos de prisão por atacar uma mulher com golpe de faca nas costas, em frente a estabelecimento comercial da cidade. A sessão de julgamento foi nessa quinta-feira, 18/11.

O crime ocorreu na noite do dia 9 de março de 2020, em frente a um bar da região administrativa de Santa Maria. Uma semana antes do crime, vítima e acusado tiveram um envolvimento amoroso nesse mesmo local. No dia dos fatos, a vítima estava com uma amiga nas proximidades do estabelecimento, momento em que o acusado se aproximou e começou a discutir com ela. Ao afastar-se de Wesley, a vítima foi atacada com um golpe de faca nas costas.

Em plenário, os jurados acolheram a acusação do Ministério Público do DF de que o delito teria sido praticado por razões de condição de sexo feminino, tendo em vista que foi cometido com menosprezo e discriminação à condição feminina, e ainda mediante recurso que dificultou a defesa da vítima, que foi abordada de surpresa, em circunstâncias que não esperava ser atacada.

Com a decisão soberana dos jurados, o juiz presidente do Júri declarou o réu condenado por tentativa de homicídio duplamente qualificado (art. 121, § 2º, IV e VI, e § 2º-A, II, c/c art. 14, II, ambos do Código Penal). Wesley deverá cumprir a pena de reclusão inicialmente em regime semiaberto e não poderá recorrer da sentença em liberdade.

Ao dosar a pena, o juiz considerou desfavoráveis os antecedentes do réu, que possui duas condenações penais, uma por tráfico de drogas e outra por porte ilegal de arma de fogo, “a indicar maior reprovabilidade”, segundo o magistrado.

Processo: 0701653-96.2020.8.07.0010

Fonte: Asscom TJDFT

Leia mais

2ª Turma Recursal mantém indenização de R$ 10 mil por cancelamento de voo

A Segunda Turma Recursal do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) confirmou condenação da LATAM Airlines por cancelamento de voo sem justificativa plausível. O...

Servidora com deficiência visual consegue direito de relotação para unidade próxima de sua casa

Servidora pública com deficiência visual que havia sido relotada em local de trabalho distante de sua residência teve sentença favorável para voltar a trabalhar...

Mais Lidas

Justiça do Amazonas garante o direito de mulher permanecer com o nome de casada após divórcio

O desembargador Flávio Humberto Pascarelli, da 3ª Câmara Cível...

Bemol é condenada por venda de mercadoria com vícios ocultos em Manaus

O Juiz George Hamilton Lins Barroso, da 22ª Vara...

Destaques

Últimas

STF invalida restrição de vagas a mulheres em concursos para PM e Bombeiros do Piauí e de Goiás

O percentual de 10% de vagas para mulheres em concursos para as Forças de Segurança dos Estados do Piauí...

STF suspende julgamento de ações contra Reforma da Previdência

Pedido de vista do ministro Gilmar Mendes suspendeu, nesta quarta-feira (19), o julgamento de 13 ações que questionam vários...

Senado aprova indicação do ministro Mauro Campbell Marques para o CNJ

O plenário do Senado Federal aprovou, na tarde desta quarta-feira (19), a indicação do ministro do Superior Tribunal de...

Padrasto é condenado a mais de 42 anos por estuprar, matar e ocultar cadáver da enteada

Já passava das 18h desta terça-feira (18), quando a juíza que atua no 2º Tribunal do Júri da Comarca...